Ko Tao, Tailândia: Por que você não pode deixar de conhecer?

Nem só de Ko Phi Phi vive a Tailândia. O país asiático reserva ainda outro paraíso: a ilha de Ko Tao. Com rica vida marinha, Ko Tao é considerada a queridinha dos mergulhadores.

E não é para menos, afinal a ilha, que possui 21 km², é bem mais tranquila do que Ko Phi Phi, ou seja, não tem aquela multidão de turistas, tem praias que parecem de cinema e ótimas para snorkel, mergulho e diversos bares pé de areia super charmosos. Enfim, um lugar que não pode ficar de fora de uma trip pela Tailândia.

Como chegar?

Ko Tao é uma ilha que fica localizada no Golfo da Tailândia ao norte de KohPhangan, da qual faz parte administrativa do território. Já vamos dizendo que o caminho até o paraíso é bem cansativo e perde-se 1 dia inteiro.

Pegamos um voo saindo de Bangkok com destino a Surat Thani pela low coast Nokair (faremos um post dizendo nossas impressões da low coast em breve) que durou 50 minutos e de lá pegamos um transfer de busão até o píer, o que durou mais ou menos 1h20min. Por fim, o ferry boat até Ko Tao. Ufa! Enfim chegamos!!!  Chegando a ilha, fechamos um transfer até nosso hotel, Taatoh Seaview Resort.

Dica: compramos nosso bilhete pelo site da Lomprayah. Cada bilhete saiu por 950 baths, cerca de R$ 95,00.  No porto você consegue tranquilamente um transfer para os eu hotel, seja de carro, táxi etc. É uma loucura de motoristas e agências disputando os turistas.

Onde ficar?

Super recomendamos o Taatoh Seaview Resort. O hotel fica localizado ao sul de Ko Tao e de frente para a linda Shark Bay. Ele foi um verdadeiro achado. O bar tem uma vista maravilhosa da baía e o hotel oferece desde passeios e lavanderia ( Para se ter ideia, o kg da roupa lavada e passada custa cerca de R$ 20,00 o Kg da roupa) até aluguel das famosas motos, item indispensável, já que a ilha é grande e essa acaba sendo a melhor forma de se locomover por um excelente custo de 200 Baths, cerca de R$ 20,00 reais a diária!! 

Nós optamos por um bangalô privado muito aconchegante e lindo (até o banheiro tinha vista!!!rsrsrsrs) de frente para a deslumbrante SharkBay – valores na tabela ao fim do post.

Quando ir?

Como Ko Tao fica no Golfo da Tailândia, o regime de monções é diferente da região de Ko Phi Phi que fica do outro lado da Tailândia, no Mar de Andaman. Assim, a melhor época para ir e pegar dias sem as chuvas torrenciais é entre dezembro a junho, mas até setembro é possível pegar tempo bom, principalmente, para mergulhar.

Nós, por exemplo, fomos em agosto e pegamos chuva apenas algumas vezes, sempre ao final do dia. Nada que atrapalhasse o passeio. 😉

1º Dia

Após nos instalarmos em nosso bangalô, como ainda era fim de tarde, ainda deu tempo de aproveitarmos a praia e aquela água morna que temos saudade até hoje. Depois foi a hora de jantar um delicioso Pad Thai no restaurante do hotel e descansar para o dia seguinte que seria cheio.

Pad Thai

2º Dia

Levantamos cedo para o café da manhã e pegamos nossa moto para desbravar a costa sul da ilha. Começamos por Freedom Beach, que fica a pouco mais de 3 min do nosso hotel. Após alguns degraus, encontra-se a bela praia privada, de águas límpidas e convidativas para a pratica de snorkeling, com alguns corais repletos de vida marinha. Praia excelente para relaxar, pois oferece sombra com suas árvores lindas na pequena faixa de areia e algumas redes, além de um único restaurante de onde é possível apreciar toda a beleza da praia.

Vista panorâmica de Freedom Beach
Freedom Beach, Ko Tao
Dias lindos de sol em Ko Tao, Tailândia

De lá partimos para Chalok Bay, terceira maior praia de Ko Tao e com mais infraestrutura, como hotéis pé na areia, bares, comércio, restaurantes e agências de turismo.

A baía de Chalok Bay é perfeita para famílias com crianças, pois ela é extremamente rasa, podendo-se caminhar por suas águas mornas por diversos metros e aproveitar a tranquilidade que o lugar oferece.

Chalok Bay

Em seguida fomos para June Juea Beach, outro pequeno pedaço do céu recluso e supertranquilo. O seu acesso se dá por uma estrada de concreto bem íngreme. Mesmo tendo dois resorts no local, a praia estava quase deserta e é um ponto estratégico para assistir ao por do sol.

Saindo de lá, partimos para Jason Bay, uma das mais lindas na nossa opinião. Para chegar nela não é tão simples, já que pelo único acesso é necessário caminhar por dentro do Charm Churee Villa, um belíssimo e enorme resort. Chegando na entrada do resort, que possui um estacionamento para visitantes, basta informar que vai a praia e seguir as placas. A caminhada durou em torno de 15 min entre bangalôs privados e acomodações luxuosas. Geralmente é cobrada uma taxa de 200 Bath por visitante próximo a praia, mais chegando lá, o senhor responsável disse que poderíamos usufruir sem custo. Melhor para gente! 🙂

Com água azul turquesa e muitos peixinhos coloridos, a praia de Jasom Bay é um ótimo ponto de snorkeling, além de contar também com uma excelente estrutura de bar e restaurante do hotel, que pode ser utilizada por todos. Depois de algum tempo na água, ainda curtimos o bar, com ótimas opções de drinks e aperitivos com aquele precinho tailandês que amamos! 😉

JASOM BAY - VISÃO PANORÂMICA
Vista panorâmica de Jasom Bay
Jasom Bay

Finalizamos o dia no Fizz Beach Lounge, localizado em Sairee Beach, um bar pé na areia com um ambiente super descontraído e pufs (isso mesmo!) ao ar livre para aproveitar os últimos raios de sol com uma cerveja bem gelada. Tem forma melhor de terminar o dia?

Sairee Beach

3º Dia

Decidimos fazer um tour privado de 6h pela ilha de longtail, começando pela maravilhosa Koh Nang Yang e passando por Mango Bay, Aow Leuk e Shark Bay. O que foi o verdadeiro pulo do gato para evitar a multidão de turistas. Veja aqui o roteiro completo.

Snorkel em Koh Nang Yuang
Shark Bay

4º Dia

Acordamos cedo, engolimos o café da manhã e fomos em direção à região oeste de Ko Tao. Após 30 minutos de ladeiras e zigue-zagues, chegamos a um mirante deslumbrante que era só a porta de entrada para uma praia paradisíaca chamada Sai Daeng Beach. Depois de estacionarmos a moto, mais uma vez entramos por um luxuoso resort até o acesso a praia. E que lugar maravilhoso!!!

Nossa reação ao chegarmos em Sai Daeng Beach
Mirante de Sai Daeng Beach
SAI DAENG BEACH - CAMINHO
A caminho do paraíso…

Vida marinha abundante, escola de mergulho pé na areia, bar de acesso livre a todos os visitantes e um azul de fazer doer os olhos…

Mar tão perfeito que parece até montagem!

Não precisávamos de mais nada… E lá ficamos até umas 14h. Ainda voltamos a Freedon  Beach para dar um até logo e encerramos nossa estadia em Ko Tao com esse anoitecer de cair o queixo. Tem despedida melhor que essa???

Noite em Koh Tao

5º Dia

Na manha seguinte, fizemos check-out e o transfer do hotel nos levou até o píer principal, onde pegamos o ferry boat até Koh Phangan, mais essa é história para um próximo post.;)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s