Guia de Paraty: 2 dias na cidade que é puro charme

Histórica, charmosa e com uma culinária nota 10. Assim é Paraty que fica a 258 quilômetros do Rio de Janeiro e encanta com sua vibe de cidade do interior. Sério, parece que a gente volta no tempo seja caminhando pelas famosas ruas históricas de pedras mais conhecidas como pé-de-moleque, passeando pelos seus principais pontos turísticos ou admirando os seus sobrados com arquitetura da era colonial.

Paraty é famosa pelos seus eventos, como a Feira Internacional Literária (FLIP), o Bourbon – Festival Internacional de Jazz e Festival da Pinga, mas pode ser visitada em qualquer época do ano que não decepciona! 😉

Agora se você não curte muvuca como a gente, recomendamos que você vá fora da época desses grandes eventos. E para pegar aquela praia esperta e fazer os famosos passeios de barco, o ideal é ir entre junho a setembro quando chove menos.

O litoral de Paraty encanta pelas suas águas cristalinas e calmas

Primeiro Dia

Nosso primeiro dia foi dedicado a explorar os principais pontos turísticos de Paraty. Depois do café da manhã na nossa pousada, partimos para o centro para participar do Free Walking Tour. O bom desse passeio é que você passa a conhecer mais sobre a história e curiosidades da cidade, e paga ao guia quanto achar que vale a experiência.

O Free Walking Tour é realizado todos os dias às 10h30min e 17h exceto na quarta, faça chuva ou faça sol. 😉

Nós encontramos o guia e o grupo na Praça da Matriz (principal praça do Centro Histórico). Ao todo o passeio durou 2h30min, no qual tivemos contato com a arquitetura e história dos sobrados e igrejas, aprendemos mais sobre a sua importância na logística da era escravagista, do ouro e do café. Além, da influência maçônica.

Igreja da Matriz – Um dos principais pontos turísticos de Paraty. Na praça que fica a sua frente é de onde sai o Free Walking Tour

 

As referências maçônicas estão por toda a arquitetura da cidade Sério!

Paraty possui muita coisa interessante, como por exemplo, a estrutura das suas ruas de pedra que têm um pequeno declínio para que o mar, na época colonial, pudesse “limpar” a cidade.

Além de visitarmos uma igreja mais linda que a outra, o Free Walking Tour nos levou também para lugares super charmosos, como a Casa do Príncipe, onde vive hoje o príncipe João Orleans e Bragança, e a Rua do Fogo, um dos mais belos pontos turísticos de Paraty.

A Casa do Príncipe

 

Rua do Fogo, uma das mais bonitas de Paraty

 

Paraty possui muitas igrejas, sendo cada uma para um tipo de grupo: negros, mestiços, brancos/nobres etc. Herança da era colonial…

Igreja Santa Rita de Cássia. Paraty possui muitas igrejas, sendo cada uma para um tipo de grupo: negros, mestiços, brancos/nobres etc. Herança da era colonial…Depois de batermos muita perna paramos para almoçar no Taberna Paraty, um restaurante self-service super charmosinho que fica atrás da Igreja da Matriz, com ambiente super agradável, comida boa e preço justo (R$ 3,90 o preço por 100g).

Depois de enchermos a barriga, partimos para a trilha do Museu Forte Defensor Perpétuo para queimarmos as calorias e para podermos apreciar a vista de toda a cidade do alto. A trilha é bem pequena, de nível fácil e bem arborizada. Ao chegar no cume é possível avistar o museu que possui um acervo com peças autênticas e confeccionadas na Grã-Bretanha, como os canhões, além de tachos para a produção de açúcar.

Museu Forte do Defensor Perpétuo – Foto: Melhores Destinos

Além do museu, é possível descer pelas pedras e chega perto do mar para admirar o litoral da cidade. Muitos turistas ficam por lá aproveitando a paisagem e pegando aquele solzinho básico.

Descendo pelas pedras é possível admirar o litoral da cidade

A noite passeando pela cidade visitamos as lojinhas de artesanatos e, claro, as mercearias para provar as famosas cachacinhas. 😉

Não deixe te provar a cachaça Gabriela. Uma delícia! Para os que preferem algo mais doce, peçam/comprem a caramelada.

Segundo Dia

No dia seguinte acordamos cedo e partimos novamente para o centro da cidade, mas dessa vez para o porto de onde sairia o nosso barco para conhecer as principais praias de Paraty. Fechamos o tour com o Passeios Vip Paraty.

Praia da Ilha Comprida

Considerado um dos pontos turísticos de Paraty mais encantadores, a Praia da Ilha Comprida não decepciona. Nela nadamos em águas verdinhas e transparentes.

Para os amantes de snorkelling essa praia é excelente! Há muitos peixinhos coloridos

As águas transparentes da Ilha Comprida

Saco do Mamanguá

A segunda parada foi no Saco do Mamanguá. Essa praia possui uma prainha com águas tranquilas e cristalinas. Ótimo para passar horas curtindo a vibe do local e relaxando. Uma curiosidade: aqui foi um dos cenários do filme Crepúsculo.

Com sua pequena faixa de areia e águas tranquilas, o Saco do Mamanguá é perfeito para relaxar

Saco da Velha

Depois de descansarmos no Saco do Mamanguá, fomos para o Saco da Velha que possui uma pequena faixa de areia e águas verde-esmeralda. A curiosidade desse ponto turístico de Paraty é que nele há uma pequena gruta que dá para ir nadando. A grutinha é de fácil acesso e ao atravessá-la se chega a um pocinho charmoso.

Saco da Velha

Lagoa Azul

A cereja do bolo do passeio foi a Lagoa Azul que na realidade é verde, muito verde!! Nem nos pergunte porquê. rsrs

A única coisa que sabemos é que esse lugar é um verdadeiro paraíso, no qual ficamos nadando, boiando, admirando e, claro, tirando muitas fotos. Ah! Também é um bom ponto para snorkelling.

A Lagoa Azul é um paraíso a parte

Praia Vermelha

Após essa maratona de paraísos, fomos almoçar em um restaurante da Praia Vermelha, o Bambubar. A comida é boa e o preço justo, mas como a praia é o ponto de parada do almoço da maioria dos passeios se prepare para esperar bastante pela chegada da comida. Enquanto isso, aproveite um chopinho. 😉

Já a praia é bem movimentada, com mar calmo, mas a água é menos transparente do que as outras. Provavelmente pela quantidade de barcos atracados.

Ilha do Mantimento

A nossa última parada foi na Ilha do Mantimento. Nela além de fazer snorkelling, é possível também ver várias capivaras na mata e outros animais. Mais um cantinho paradisíaco e de águas verdinhas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s